Marido de Marina é desmatador?

Tudo começou com uma fala do deputado Aldo Rebelo, na tribuna do Congresso, durante discussão sobre o Código Florestal, em 2011. Como reação à menção caluniosa, Marina Silva entrou com representação no Ministério Público Federal, em 16 de maio de 2011, para que fossem investigadas as acusações contra seu marido. Depois de analisar os documentos, o procurador-geral da República, Roberto Monteiro Gurgel Santos, descartou a denúncia . Nas palavras do próprio procurador: “não há um único elemento que confira votos de verossimilhança aos fatos noticiados na imprensa”.

Referências: